Livrarias em São Bernardo

Para facilitar sua busca o Encontra São Paulo selecionou Livrarias na cidade de São Bernardo e região com telefones no EncontraSãoBernardo e localização dos estabelecimentos.

Somos muito exigentes para oferecer um conteúdo de qualidade para você morador de SBC.
Desde 2008, somente exibimos Livrarias em São Bernardo que estão na região da cidade. (raio 9km)


Book Livraria
Rua São Savino, 79 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4123-5055
Livraria Nobel Rudge Ramos
Avenida Doutor Rudge Ramos, 530 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4367-1149
Livraria Psico Cultural Saint Paul
Rua Júlio Tomé, 159 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4368-9971
Livraria Shinobu
Avenida Taboão, 4306 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4361-9691
Nobel
Rua Marechal Deodoro, 1736 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4335-1065
RM Comercio de Livros
Rua Eugênio Aronchi, 146 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4332-5719
Siciliano Livros & Música
Shopping Metrópole - São Bernardo - São Paulo
(11) 4123-1108
Universo dos Livros Comercio de Livros
Rua senador Flaquer, 289 - São Bernardo - São Paulo
(11) 4121-4988

Encontre também Livrarias no ABCD:

» Livrarias em Santo André » Livrarias em São Caetano » Livrarias em Diadema

A Importância da Leitura

A exigência de ler muitos livros por semana é irreal. Seria muito bom poder ler muitos livros todas as semanas, mas é quase impossível, não temos tempo para isso.

Só nos resta escolher o que há de melhor, e existem até recomendações clássicas sobre essa seleção. Sobre os Livros e Leitura, o ensaio magistral de Arthur Shopenhauer, vai nessa linha. O filosofo alemão recomenda parcimônia ao mergulhar nas bibliotecas: a arte de não ler é importantíssima. Só assim é possível selecionar, no meio da mediocridade que predomina em qualquer época, aquelas poucas obras que realmente valem a pena. “Para ler o bom, uma condição é não ler o ruim: porque a vida é curta, e o tempo e a energia, escassos”, pontifica o filósofo. O problema é que o tempo de uma vida mortal é escasso mesmo para quem se atenha somente ao “bom”.

Todo leitor acaba fazendo algum tipo de recorte na biblioteca dos séculos, para constituir sua coleção íntima. O escritor Ernest Hemingway recorda, em Paris é uma Festa, a ocasião em que perguntou ao poeta Ezra Pound o que ele achava de Dostoievski. Pound tinha uma cultura poética assombrosa, trafegando com facilidade dos clássicos gregos e latinos aos trovadores provençais e aos modernistas. Mas sua resposta decepcionou Hemingway: “Para lhe ser franco, nunca li os russos”. Pound, que era fã de Stendhal, aconselhou o amigo a ler “os franceses”.

Pound, afinal, não se limitou a confessar sua ignorância da literatura russa. Ele insinuou que Dostoievski é dispensável para quem já leu Stendhal. Trata-se de uma opinião para lá de discutível, sem dúvida – mas toda opinião literária tem sua dose de capricho pessoal.
São várias as maneiras indiretas de conhecer um livro: pela crítica por resumos, pelo que os amigos falam, pela posição do livro em catálogos e bibliotecas.

Pound com certeza não desconhecia Dostoievski. Teria até uma noção exata de sua importância, mas, diante de outras excelentes obras, ele não selecionou Dostoievski.

Decidir o que não ler tem se tornado cada vez mais difícil. Diante de uma enxurrada de livros, artigos e tantos textos disponíveis na Internet, que nos acenam, nos encantam e nos atraem como se fossem ímãs, não é fácil decidir pelo melhor em detrimento do mais agradável e do mais atraente.
Mas se não formos capazes de selecionar, despenderemos nosso tempo com conteúdo de baixa qualidade. Por essa razão, temos que saber escolher.

Como? Algumas dicas poderão ajudar:

• Veja o nome do autor e o currículo resumido dele. Você já terá uma ideia se ele é capaz ou não de escrever um bom livro;
• Veja o sumário. Os tópicos são coerentes? A sequência é lógica? O conteúdo é de seu interesse?
• Leia algumas linhas, do início, do meio e do fim do livro. A forma de escrever é agradável? O autor é objetivo e assertivo? O vocabulário é rico?
• Compare esse livro com outros do mesmo tema. Qual lhe parece melhor?
• Compare esse livro com outros de outros assuntos e temas. Imaginando que você terá tempo para ler apenas um livro, qual deles você escolheria?
• Não se impressione muito com os comentários dos críticos, os melhores livros não são comentados por eles.
• Lembre-se de que o importante não é ler muitos livros, mas ler bons livros.
• Após ter adquirido o livro e ter iniciado a leitura, não hesite em parar. Se a leitura não o agrada, não atende suas expectativas ou não tem a qualidade que você imaginava, não perca seu tempo, vá para outro livro.
• Se, após ter lido algumas dezenas de páginas, você se depara com um capítulo chato ou superficial, pule o capítulo, vá para frente. Se necessário, leia apenas algumas linhas que possam dar uma ideia se vale a pena ou não ler o capítulo todo.

Enfim, desenvolva a habilidade de selecionar e dedicar seu tempo apenas para a boa leitura. Não se recrimine por parar, pular ou ler apenas alguns parágrafos, pois isso é ser seletivo. Na era do acesso, é fundamental saber escolher. Boas escolhas!




  Sobre o EncontraSãoBernardo
Fale com EncontraSãoBernardo
ANUNCIE: Com Destaque | Anuncie Grátis

siga o Encontra São Bernardo no Facebook siga o Encontra São Bernardo no Twitter Encontra São Bernardo no Google+


Termos EncontraSãoBernardo | Privacidade EncontraSãoBernardo